Como Manter a Casa Quente no Inverno

Aprenda alguns truques para manter a casa quente no Inverno sem gastar fortunas na conta da eletricidade e sem muito trabalho.
Os principais problemas das casas muito frias são a humidade excessiva e o mau isolamento.
Humidade – A temperatura interior pode nem estar muito baixa mas se o nível de humidade for elevado, a casa ficará muito mais fria. Para evitar esta situação, torna-se essencial o uso de um desumificador. Tenha cuidado na altura da compra e escolha uma máquina com uma boa eficiência energética e de tamanho adequado para a sua casa. Irá com certeza fazer alguma diferença no gasto de eletricidade no final do mês mas será muito mais eficaz do que utilizar apenas um aquecedor elétrico. O aquecedor elétrico não diminui a humidade do ar e, sem a ajuda de um desumificador, acaba por não conseguir aquecer as divisões. Em dias mais quentes e solarengos, abra as janelas durante a tarde e deixe o ar circular dentro de casa. Isto terá o mesmo efeito que o desumificador. Tenha ainda em atenção os banhos e os cozinhados que são ações que provocam muita humidade. Ligue sempre o exaustor quando estiver na cozinha e deixe as panelas tapadas. Durante o banho deixe a porta entreaberta para não acumular vapor de água e no final coloque o desumificador na casa de banho ou abra a janela, caso tenha.
Isolamento – O bom isolamento de janelas e portas é essencial para manter uma casa quente. Prefira janelas de vidro duplo e se notar que se escapa algum ar entre as junções dos caixilhos, utilize fita autocolante isoladora. Atrás das portas coloque rolos isolantes para tapar o ar que passa por debaixo das mesmas. Mantenha as portas da divisão que quer manter quente fechadas e evite andar sempre a entrar e sair. Já quando cozinha pode manter a porta aberta, deixando sair o calor que se acumula para as restantes divisões da casa.
Quando começa a cair a noite feche os estores e portadas para minimizar o calor perdido através dos vidros e feche também as portas para varandas fechadas ou marquises.
Alguns pormenores de decoração podem também podem ajudar a aquecer a casa. Verifique se está a fazer as melhores opções no que diz respeito ao tipo de têxteis e de cores que usa.
Tudo em tecido – Prefira sofás de tecido em vez de sofás em pele, estes são muito frios no inverno. Complete os sofás com mantas de malha ou polares e almofadas também de tecidos quentes (como a camurça ou veludo). As cortinas devem ser igualmente de tecidos pesados e opacos para não deixar entrar o frio. Durante o dia mantenha-as bem abertas ou deixe apenas umas cortinas interiores mais claras e transparentes para deixar entrar o sol.
Cores quentes – Se puder pintar uma ou várias paredes com cores mais quentes irá notar a diferença. Para além do efeito psicológico, em que nos sentimos mais aconchegados em espaços de cores mais envolventes (cromoterapia), as paredes mais escuras vão, na verdade, acumular mais calor e guardá-lo durante mais tempo. Libertando-o depois durante as estações mais frias. O mesmo acontece com a mobília e com os têxteis da sua sala.

Tapetes e mais tapetes – Uma grande parte do calor é perdida pelo chão, principalmente se este for de mosaico em vez de madeira. Como solução, use e abuse dos tapetes e carpetes. Para além de isolarem a sala, dão um aspeto visual mais bonito e cheio à divisão, o que nos faz sentir mais confortáveis.
Casa cheia – Ter bastante mobília também ajuda a aquecer a casa, não é por acaso que as casas novas são sempre mais frias. Os objetos retém calor, por isso quanto mais cheia de móveis estiver uma divisão, mais fácil será mantê-la quente. As estantes altas com livros são boas opções para isolar as paredes, o papel não é um bom condutor de calor por isso não vai deixar o calor da sua sala sair pelas paredes frias.
Esperamos ter ajudado com estas dicas de como manter a casa mais quente no Inverno!

Fonte: dicascaseiras

Comentários